King of Fighters 2000/2001 PS2/Review

2021-03-17 0 Por Marcos Paulo Vilela
King of Fighters 2000/2001 PS2

King of Fighters 2000/2001 PS2, cover, foto: reprodução.

Uma compilação de ambos os tipos de lutadores de 2000 e 2001 em um único lançamento de disco.

King of Fighters (KOF para abreviar): É um nome que dá arrepios em muitos fãs de luta. O desenvolvedor original da série KOF foi ninguém menos que SNK, o criador de Samurai Showdown, Fatal Fury, Magician Lord, Metal Slug e assim por diante, adorado por veteranos de jogos hardcore.

Todo mundo conhece os famosos gabinetes Neo-Geo luna park, nos quais esses jogos chegaram até nossos fliperamas. Na era do Super Nintendo e Sega Megadrive, o Neo-Geo também era um console que estava muito à frente de seu tempo em termos de trazer fielmente os melhores jogos de arcade para sua casa (é claro, aqueles da SNK na liderança). 

Infelizmente, a coisa também era extremamente cara, então a maioria dos jovens jogadores, incluindo seu revisor, nunca entraram em contato com a SNK e seu Neo-Geo muito.  

É também por essa razão que muitas pessoas têm um sentimento duplo sobre a situação atual da SNK. O desenvolvedor quase exagerou e agora trabalha junto com a Playmore sob o nome conjunto SNK / Playmore, e juntos eles continuam a lançar (principalmente) novos jogos de luta em seu estilo típico. 

 🙂 JOGUE TAMBÉM:

No entanto, a SNK perdeu parte de sua criatividade e qualidade, e os fãs prefeririam, com razão, ver uma SNK autônoma como desenvolvedor. 

Mas, por outro lado, agora existem jogos como este Double Pack KOF 2000/2001. Dois jogos de arcade completos do passado recente pelo preço de meio jogo. 

Review e notas do Game

  • Gráficos

    A evolução dos gráficos não é tão óbvia entre os dois episódios, pelo menos ao nível dos lutadores cujas animações carecem de fases intermédias, embora continuem a ser mais detalhadas do que as de Street Fighter. Os conjuntos são mais trabalhados no Opus 2001, mas os lutadores se integram menos do que no KOF 2000. Felizmente, o design dos lutadores é admirável, apenas cinco ou seis cedendo no déjà vu.

  • Jogabilidade

    O jogo se beneficia de um modo de 60 Hz que você deve usar se não quiser ser surpreendido por uma pequena animação lenta. Sobre este assunto, é estranho que não possamos escolher a velocidade do jogo nos menus, opção esta presente na Capcom desde Street Fighter II! Por outro lado, King Of Fighters é conhecido por ser técnico e você terá que praticar realmente se quiser dominar todas as facetas de um personagem.

  • Tempo de vida

    Dois jogos pelo preço de um, 75 lutadores entre os dois títulos (mesmo que 80% dos lutadores sejam iguais) e modos de jogo que não movem um milímetro de um episódio para outro. A expectativa de vida é bastante limitada.

  • Trilha sonora

    A música muito nervosa (estilo Metal) rasga a tela se reconectando com um passado distante do Arcade e os efeitos sonoros são típicos de jogos de luta, bem suportados, e na frente tanto de filmes de Hong Kong quanto de desenhos animados como Saint Seiya.